O Instituto

 

O Instituto Dasein tem como objetivo central promover o desenvolvimento e a difusão da Psicologia hermenêutico-fenomenológica. Sua área de atuação aponta para a produção de conhecimento teórico/acadêmico, a formação e qualificação de profissionais e a disponibilização de serviços de supervisão e atendimento clínico.

O crescimento da psicologia fenomenológica e hermenêutica acontece num momento em que tanto as psicologias ditas profundas quanto as psicologias de cunho científico-natural se revelam cada vez mais como não sendo os únicos modos de lidar com os problemas existenciais em geral e com o ser do homem em particular. Diante da inexorabilidade do caráter histórico de nossas possibilidades existenciais, assim como em face do resgate possível do conteúdo fenomênico de nossas experiências mais próprias, hermenêutica e fenomenologia se lançam para além de uma mera lida funcional com os transtornos do existir e buscam compreender a gênese mesma de nosso ser no tempo. Nesse contexto, o Instituto Dasein surge como um polo central de agregação de esforços em torno da compreensão e tratamento dos problemas do existir. Por meio de cursos livres, da realização de eventos pontuais, de uma formação e de uma especialização em psicologia hermenêutica e fenomenológica, além da publicação de livros de autores relevantes para essa área do conhecimento, ele vem despontando como um espaço de profunda reflexão sobre as questões fundamentais da Psicologia. Com a vocação sempre para o acolhimento de novas vozes, ele não se mantém jamais fechado aos diálogos mais diversos, mas se mantém incessantemente fiel ao lema central do pensamento heideggeriano: vida é abertura.

 

Dasein é um termo cunhado pelo filósofo alemão Martin Heidegger para designar o ser do homem como abertura para um campo de possibilidades. Com  tal termo, Heidegger abre todo um novo campo de reflexão para as Ciências Humanas que possibilita a colocação dos métodos e pressupostos da Psicologia em bases fenomenológico-hermenêuticas.